terça-feira, 28 de julho de 2015

Homem tenta matar a esposa e é ferido gravemente pelo filho no Congo


Foi ferido a cacetadas no início da tarde desta segunda-feira (27) na cidade do Congo o funcionário municipal João Soares de Moura, conhecido com João Quidute, de 59 anos. O acusado é seu filho Lázaro Soares de Moura, de 20 anos.
João Quidute trabalha na Prefeitura do Congo desentupindo esgotos e é bastante popular na cidade. A esposa de João, depois de 35 anos de casada, pediu a separação e não queria mais o marido dentro de casa, exatamente por causa da bebida e da violência como tratava ela e seus filhos.
Depois de ter decidido não mais o deixar entrar em casa neste domingo (26), ele tentou arrebentar a porta com alavanca. João já bebia sem parar há alguns dias e ameaçava o tempo todo que iria matar a mulher conhecida como Marlene da família Cândido e seu filho Lázaro Soares.
Nesta segunda (27), João Quidute almoçou na casa de uma filha que mora perto e continuou afirmando que iria matar a mulher e o filho e cumpriu sua promessa seguindo de moto em direção à residência onde estavam os dois.
Chegando ao local foi iniciado a confusão e o filho para não deixar que o pai matasse a mãe com um caibro que estava próximo, desferiu vários golpes que praticamente abriu uma parte da cabeça. Na tentativa de se livrar das agressões, João teve praticamente um dos pulsos decepado.
Ele foi encaminhado para o Hospital de Trauma em Campina Grande e seu estado de saúde é considerado grave.
Um dos seus genros conhecido com Neco da Capoeira já tinha conversado com o sogro para que ele aceitasse a separação, mas ele ficava cada vez mais violento quando via a possibilidade de não mais conviver com a esposa.
A Polícia Militar agora tenta prender o acusado em flagrante e faz diligências pela cidade e região.

Nenhum comentário:

Postar um comentário