terça-feira, 11 de agosto de 2015

Delegado traz revelações chocantes do caso de adultério que levou à morte quatro pessoas em Vertentes


Ademir, Francisca, Marcos e Cleydson - os quatro mortos de uma tragédia ocasionada por um adultério. Fotos cedidas pela polícia.
Em entrevista concedida ao repórter policial Maurício Sobrinho, o delegado Dr. Humberto Pimentel, que acompanhou a tragédia que causou a morte de quatro pessoas na cidade de Vertentes (relembre clicandoAQUI), falou sobre o caso.

A tragédia, motivada por um adultério, aconteceu na última segunda-feira (10) na PE-90. A primeira parte dela aconteceu próximo ao distrito de Capela Nova, onde que três pessoas morreram durante uma colisão de um carro com uma árvore.

Já a segunda parte aconteceu próximo ao povoado do Junco, a última vítima cometeu suicídio ao se jogar embaixo de uma carreta após ter visto os demais ocupantes mortos.

Durante a entrevista, o delegado falou sobre fatos da investigação, que apontaram que dois suicídios foram cometidos e que resultaram nas mortes de Ademir Alves da Silva (34 anos, motorista do veículo Strada), Marcos Vinícius Alves de Souza (namorado de uma filha do casal) e Francisca Leitão da Silva (esposa de Ademir) que estavam no carro de passeio e Cleydson Almeida de Souza (que tinha um caso com Francisca), que se jogou embaixo da carreta.

Durante a entrevista, o delegado fez revelações chocantes da tragédia, incluindo detalhes das mortes e o conjunto de provas que servem como base para o inquérito.

Dr. Humberto Pimentel - Foto: Thonny Hill - arquivo

Ney Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário