sábado, 15 de agosto de 2015

Empresas de Jataúba estão na mira da Secretária da Fazenda


Um total de 219 empresas do Agreste de Pernambuco estão sendo fiscalizadas pela Secretaria da Fazenda do estado (Sefaz-PE) de R$ 9 milhões em possíveis débitos aos cofres públicos provenientes de ICMS, IPVA, parcelamento, autuação e multa, entre outros. Segundo divulgou nesta sexta-feira (14) a assessoria de comunicação da secretaria, o objetivo da “Operação Cidades”, iniciada nesta semana, é realizar a cobrança em alvos que estão recolhendo menos impostos e mantêm o mesmo faturamento.

A equipe da Sefaz-PE, constituída por 65 auditores, começou a fiscalização nos estabelecimentos dos municípios de Caruaru, Bezerros, Gravatá, Bonito, Cupira, Panelas, Pesqueira, Belo Jardim, Barra de Guabiraba, Tacaimbó e Jataúba. Também há outras 39 empresas “configuradas como nocivas, que serão fiscalizados posteriormente”, segundo informações da assessoria de imprensa. As punições, como autuação e interdição, serão também realizadas posteriormente.

Por cabelo de Ouro

Nenhum comentário:

Postar um comentário