quarta-feira, 24 de maio de 2017

Mercado exige diretas djá

Resultado de imagem para walter mercado

ABADIÂNIA – Sumido desde o fim dos anos 90, o místico Walter Mercado reapareceu subitamente na última semana, num anúncio televisivo. Com seu inconfundível sotaque e o visual extravagante de sempre, o porto-riquenho tinha uma única mensagem a dar aos telespectadores. “Diretas djá”, disse, encarando a câmera, depois de permanecer alguns segundos em silêncio. Acompanhavam as imagens, naturalmente, o telefone dos serviços divinatórios prestados por ele.

O vereador Fernando Holiday viu na reaparição do vidente um ardil petista. “Vocês não percebem?”, berrou o edil paulista, enquanto invadia uma escola. “O sítio de Atibaia está escondido debaixo do cabelo do Mercado. O pedalinho foi transformado num anel!”, continuou, inconformado. “Tudo o que Lula quer agora é colocar as urnas eletrônicas no circuito. E nós sabemos muito bem quem as controla”, concluiu, enquanto rasgava uma bandeira de Cuba.

“Acho estranhas essas declarações do Mercado. Em geral o Mercado sabe o que faz!”, reagiu o prefeito de São Paulo, João Doria Jr., pedindo licença para orientar uma nova operação da Guarda Municipal contra moradores de rua. “Acelera, São Paulo!”, declarou, antes de ir embora.
Analistas disseram à Globonews que, ao saber das reações, Mercado ficou instável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário